sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Motim em presídio de Paracatu

Seis detentos promoveram uma tentativa de motim no presídio de Paracatu, no Noroeste do estado, na madrugada desta sexta-feira (28). A ação foi registrada durante uma falta de energia elétrica no local e, segundo a Polícia Militar (PM), não houve reféns e nem danos de maior proporção. A direção da unidade prisional informou que os participantes da ação foram isolados.Segundo a PM, testemunhas informaram que ocorreu problemas na fiação pública nas proximidades do presídio, o que causou falta de energia elétrica. Assim, os detentos começaram a bater contra as grades das celas tentando danificá-las e armaram-se com pedaços de filtros para arremessar contra os agentes penitenciários. Quando os agentes abriram a cela para tentar conter a situação, os detentos tentaram fugir. Os participantes, que tem entre 21 e 44 anos, foram contidos e um filtro quebrado foi encontrado em uma das celas. De acordo com a diretoria do presídio, a energia no local já voltou. 

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Galo é campeão da Copa do Brasil


É tão grande que não cabe em sua própria enormidade o que aconteceu neste 26 de novembro. É tão grande que já seria grande se simplesmente disséssemos que o Atlético-MG é o campeão da Copa do Brasil de 2014 – campeão e ponto final. Ou que pela primeira vez conquista o torneio. Ou que garante vaga na Libertadores. Ou que assegura seu quarto título em dois anos. Mas é muito mais que isso tudo – a ponto de transformar a taça em si (ou seu ineditismo, ou suas consequências) em detalhe, em ornamento para o feito maior, o feito que efetivamente importa aos vencedores: que é sobre o Cruzeiro. No maior clássico que Minas Gerais já viu, o Galo bateu o rival por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, no Mineirão, naquela que foi a primeira final de um torneio nacional entre eles - uma vitória para a posteridade, uma vitória para sempre.
O gol de Diego Tardelli entra para o imaginário do torcedor mineiro – muito especialmente o atleticano. Com ele, o Galo carimba a faixa de campeão brasileiro do eterno adversário e evita que ele alcance a Tríplice Coroa em 2014. Em mais de 90 anos de rivalidade, em uma história que remete ao começo do século passado, aos tempos em que o Cruzeiro ainda se chamava Palestra Itália, é a vitória mais importante de um sobre o outro – como se um campeonato estivesse dentro do jogo, não o jogo dentro de um campeonato.
A conquista descende daquilo que o Atlético alcançou no primeiro jogo, há duas semanas, no Independência – a vitória por 2 a 0 que permitia que ele até perdesse o duelo desta noite. Mas o que o Galo menos fez foi se acomodar na vantagem. Jogou para cima, atacou, agrediu. Agiu como campeão. De quebra, fechou o ano sem perder clássicos: foram sete na temporada, com quatro vitórias alvnegras e três empates.
Jogadores do Galo fazem a festa no gramado do Mineirão (Foto: Bruno Cantini/Flickr do Atlético-MG)
Jogadores do Galo fazem a festa no gramado do Mineirão (Foto: Bruno Cantini/Flickr do Atlético-MG)
Tardelli nasceu para clássicos
Diego Tardelli tem 29 anos e se define como um “veterano novo”. Parece que faz gols há eras. Especialmente gols pelo Atlético – são 110. Mais especialmente ainda gols contra o Cruzeiro – impressionante: já são nove em clássicos. Por tudo isso, quando a bola saída do pé de Dátolo cruzou o céu de Mineirão e teleguiou-se até a cabeça careca do atacante, o que aconteceu ali foi o ato maior de uma relação profunda, de uma afinidade que só cresce, desse triângulo amoroso entre Tardelli, o Atlético e a torcida.
O gol saiu aos 47 minutos. E foi absolutamente justo. O Atlético foi surpreendentemente melhor do que o Cruzeiro – surpreendentemente não apenas por ser melhor, mas pelo tanto que foi melhor. Desde o começo do jogo, foi mais vigoroso, mais envolvente, mais compacto. Poderia ter saído na frente cedo, com sete minutos, quando Luan mandou na área e Tardelli quase completou; ou aos 12, quando Marcos Rocha recebeu frente a frente com Fábio e foi superado pelo goleiro – na sequência, Tardelli mandou para fora; ou aos 24, quando Tardelli (repare: sempre ele) mandou de coxa para fora; ou ainda aos 42, em conclusão de Maicosuel novamente defendida por Fábio (e com Dátolo mandando por cima na sobra).
Foi muito Atlético para pouco Cruzeiro. Mesmo depois de perder Luan, lesionado aos 31 minutos, o Galo soube se impor. A Raposa teve suas chances, é verdade – a principal delas em chute torto de Ricardo Goulart após lançamento de Fábio. Mas esteve muito aquém das exigências de um time que precisava de três gols para ser campeão.
Absolutamente campeão
O Cruzeiro precisava de quatro gols no segundo tempo para ser campeão da Copa do Brasil. Jamais deu pinta de que conseguiria – nem quatro, nem três, nem dois, nem unzinho que fosse. As jogadas simplesmente não fluíam. Era evidente a destruição física da equipe depois da brilhante campanha no Campeonato Brasileiro. O Galo, mais inteiro, até não repetiu a soberania do primeiro tempo – mas seguiu melhor encaixado.
Com Willian Farias no lugar de Henrique, lesionado, o Cruzeiro fez o possível para reagir. Só que nem as jogadas entre Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart, geralmente tão fatais, tinham andamento. Para piorar a vida celeste, o Atlético sabia ameaçar – vide o que aconteceu aos seis minutos, quando Maicosuel, colado na trave, não conseguiu marcar o segundo, ou vide a patada de Dátolo no travessão de Fábio em cobrança de falta.
A torcida cruzeirense, entre vaias e incentivos, teve que suportar a festa do rival. Vingou-se com gritos de “segunda divisão” e “tetracampeão”.

Porque até isso o clássico teve de gigante: um foi campeão três dias depois de o outro ser. Timing perfeito para os torcedores do Galo – embora alguns momentos prescindam de timing: vistos do prisma da posteridade, simplesmente não têm data. Acontecem e ficam. São anos, décadas, séculos dentro de duas horas – pergunte a um atleticano.

STJD processará Cruzeiro por irregularidades na venda de ingressos

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) negou pedido do Cruzeiro para reconsiderar a determinação de liberar 10% ingressos de visitantes aos atleticanos na final da Copa do Brasil. O órgão também processará o clube por uma "venda irresponsável" das entradas para o clássico desta quarta-feira (26), pela final da Copa do Brasil, no Mineirão – no primeiro jogo o Atlético-MG venceu em casa por 2 x0. As penas variam de multa, entre R$ 100 e R$ 100 mil, anulação do resultado da partida, perdas de mando de campo, e suspensão de dirigentes. O Cruzeiro liberou apenas 1.813 ingressos para os atleticanos, o que representa menos de 5% da carga para a partida. Para justificar esse percentual, o clube celeste apresentou um laudo feito pela Polícia Militar (PM), que, após uma vistoria no estádio, definiu que o espaço determinado pela diretoria cruzeirense não era suficiente para 10% de torcedores visitantes. Em seu parecer, o presidente do STJD, Caio Rocha, afirma que o Cruzeiro realizou uma "venda irresponsável de ingressos em todos os pontos do estádio em absoluta descumprimento ao que estabelece o RGC (Regulamento Geral das Competições)". Caio Rocha solicitou à Procuradoria do STJD que o clube celeste seja denunciado e processo com base em seis artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (STJD).


terça-feira, 25 de novembro de 2014

FHC recebe acima da Lei


No dia 12 de maio de 1998, ainda em seu primeiro mandato, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deu sua declaração mais polêmica. "Fiz a reforma da Previdência para que aqueles que se locupletam da Previdência não se locupletem mais, não se aposentem com menos de 50 anos, não sejam vagabundos em um país de pobres e miseráveis", disse ele. FHC, no entanto, foi aposentado como professor catedrático da USP em 1968, aos 37 anos, pelo regime militar. Recentemente, sua pensão, de R$ 22,1 mil mensais, apareceu numa lista de vencimentos superiores ao teto permitido por lei. Ontem, ao participar de um evento na USP, FHC falou a respeito. "Todo mundo reclama de salário e acha que seu salário é baixo", disse ele. "O meu é razoável". Ele negou receber acima do teto legal, embora sua pensão, de exatos R$ 22.150,94, esteja acima dos R$ 20.662,00 recebidos pelo governador Geraldo Alckmin. "Comparado com o que se ganha no setor privado, aí significa muito, porque a aposentadoria do INSS é muito baixa", disse ainda FHC. "Não é da USP que é alta. O INSS que é baixo".

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Cláudio: Deputado vai ao MP contra mudança de poder sobre aeroporto


O deputado estadual Rogério Correia (PT) entrará esta semana com um pedido no Ministério Público Federal de Divinópolis solicitando o cancelamento do convênio que transferiu a responsabilidade sobre o aeroporto do município de Cláudio do governo de Minas para a prefeitura daquele município. Segundo informações divulgadas pela assessoria do parlamentar, uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais também será organizada para debater o caso. "Estamos lutando arduamente na Assembleia Legislativa para a instalação de uma CPI sobre o tema. Transferir agora a responsabilidade sobre o aeroporto, além de alterar e realocar seus arquivos e documentos, é um desrespeito ao povo mineiro e à lisura do processo investigativo", afirma Rogério Correia. O aeroporto, localizado na cidade de Cláudio, a 150 quilômetros de Belo Horizonte, é de responsabilidade da prefeitura local desde junho deste ano. É que informa a publicação do Diario Oficial do Estado, da última sexta-feira (21). Há cinco meses, o governo mineiro assinou o convênio que delegou a exploração do aeroporto para o Executivo municipal. No entanto, só veio ser publicado após o período eleitoral. Conhecido como "Aécioporto", o caso envolvendo o aeroporto, orçado em R$ 14 milhões, gerou diversas polêmicas durante a campanha presidencial. Denúncias dão conta de que o empreendimento foi construído em terras do tio-avô do senador Aécio Neves (PSDB), ex-governador de Minas. A prefeitura local é da base tucana – em Minas o atual governador é Alberto Pinto Coelho (PP), que sucedeu Antonio Anastasia (PSDB), eleito senador. O ex-presidenciável Aécio Neves reconheceu que pousou no aeroporto. "Se algum equívoco houve, certamente eu posso reconhecer e não ter me preocupado em examinar em que estágio o processode homologação está. Este é um equívoco e eu quero reconhecer", disse o tucano. No entanto, em artigo enviado para a Folha, no mês de julho, o tucano disse que a obra foi não apenas legal, mas transparente, ética e extremamente importante para o desenvolvimento do município e da região"

Minas tem previsão de chuva até quinta-feira



A frente fria que estacionou domingo em boa parte de Minas Gerais será responsável por um período de chuva intensa e contínua até quinta-feira, segundo previsão de Ruibran dos Reis. De acordo com o meteorologista, até quinta-feira estão previstas chuvas de intensidade moderada em municípios das regiões Central, Sul, Oeste, Zona da Mata, Campo das Vertentes e Triângulo Mineiro. No Norte, Noroeste e vales do Rio Doce, Jequitinhonha e Mucuri a previsão é de pancadas isoladas. Em Delta, no Triângulo Mineiro, um temporal causou danos no fim da tarde do sábado. De acordo com o Corpo de Bombeiros, árvores caíram pela cidade e casas ficaram destelhadas.

Jovem de 18 anos é assassinado em Luau

Por volta das 06 horas da manhã deste domingo (23) a Polícia Militar de Araxá recebeu uma solicitação do Corpo de Bombeiros dizendo que em um loteamento em construção estaria ocorrendo um Luau e que havia um rapaz sangrando muito em virtude de um ferimento proveniente de disparo de arma de fogo. No momento em que os bombeiros se deslocavam para realizar o socorro, eles depararam com um motoqueiro conduzindo a vitima na garupa, onde o colocaram na viatura dos bombeiros e o socorreram a vítima até o PAM, porém a vítima identificada como CLEITON CASSIMIRO DE OLIVEIRA, 18 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu. Os bombeiros não souberam repassar maiores dados do motociclista, tendo os policiais ido até o local do Luau, porém não havia mais ninguém. A mãe da vítima disse que em data passada seu filho teria interferido em uma briga entre ela e seu ex-companheiro e que durante a briga seu ex-companheiro teria ameaçado a vitima dizendo que possuía uma arma de fogo e que mandaria o seu filho ou seu sobrinho lhe matar, pois não daria nada para eles por serem menores de idade. Os policiais realizaram buscas, porém os suspeitos não foram localizados

Pimentel estuda reduzir dividendos DA CEMIG

O governador eleito em Minas Gerais, Fernando Pimental (PT), quer reduzir o valor pago em dividendos aos acionistas pela Cemig (CMIG4), informou nesta segunda-feira (24) o Valor. O que o núcleo petista do futuro governo vê é que o valor distribuído aos acionistas é alto demais quando considera que a empresa tem que aumentar os investimentos e resolver problemas na qualidade dos serviços prestados. Atualmente, o governo mineiro é controlador da empresa e recebe 22% dos dividendos. O estatuto da companhia prevê pagamento de dividendos mínimos de 50% do lucro líquido esperado. Apesar disso, em 2013, a distribuição de dividendos alcançou 90,7% do lucro, ou R$ 3,104 bilhões. Em 2012, foi de 68%, enquanto em 2011 foi de 84%. Este ano, a companhia anunciou dividendos extraordinários de R$ 1,7 bilhão. Segundo a reportagem, Pimentel viu como correta a postura da agência de classificação de risco Moody's de rebaixar o rating da elétrica na semana passada como resultado da deterioração das métricas de crédito da companhia, sobretudo, em função de um esperado aumento do nível dos dividendos que serão distribuídos em 2014. A nota da Cemig passou de Baa3 para Ba1, o que levou a empresa a perder o grau de investimento.



sábado, 22 de novembro de 2014

Aeroporto de Cláudio será administrado pela prefeitura

O governo de Minas Gerais passou do estado para a Prefeitura de Cláudio a administração do polêmico aeroporto do município, construído em área que pertencia ao terreno do tio-avô de Aécio Neves, quando era governador mineiro. A notícia é da coluna Painel, da jornalista Vera Magalhães. A decisão, do atual governador Alberto Coelho (PP), acontece a 40 dias da posse do governador eleito Fernando Pimentel (PT) e considera ainda outros três terminais: de Mocambinho, Patrocínio e Mello Viana (em Três Corações), que também passarão a ser administrados pelas prefeituras. O aeroporto de Cláudio foi um dos temas mais questionados contra Aécio durante a campanha presidencial. Segundo denúncia da Folha de S. Paulo, além de ser construído em terras que eram de parentes do tucano, a chave ficava sob a guarda da família.

13º salário para servidores de Minas ainda demora



O governo de Minas confirmou e eu portal a data para o pagamento do 13° terceiro salário. Segundo a administração estadual, os servidores receberão o valor, em parcela única, no dia 20 de dezembro. A data ocorre no último estipulado pela legislação para o pagamento do benefício. Quanto ao reajuste dos rendimentos dos funcionários públicos estaduais, tramita na Assembleia Legislativa de Minas Gerais projeto, de autoria do governador Alberto Pinto Coelho (PP), que eleva em 4,6% os valores de todas as categorias. A proposta chegou a ser aprovada hoje na Comissão de Constituição e Justiça da assembleia. Mas a tramitação foi suspensa por 24 horas na Comissão de Administração Pública, após pedido de vista do deputado Rogério(PT). A matéria e outras propostas têm sido motivo de queda de braço entre deputados da base e da oposição na Casa.

Escândalos da Petrobrás começaram no governo FHC


Depois de ter causado espanto ao declarar que devolveria uma fortuna de US$ 100 milhões (aproximadamente R$ 252 milhões), obtidos irregularmente, aos cofres públicos, o ex-gerente da diretoria de Serviços da Petrobras Pedro Barusco admitiu que recebe propina há 18 anos, desde o início da era FHC, por meio de contratos da estatal. Esse é o motivo, segundo ele, para ter conseguido acumular tamanha fortuna. Na semana passada, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse sentir "vergonha" do que está acontecendo na Petrobras. "Tenho vergonha como brasileiro, tenho vergonha de dizer o que está acontecendo na Petrobrás", afirmou. Barusco admitiu, em delação premiada, que desvia verbas por meio de contratos na estatal do petróleo desde 1996, segundo ano do governo do ex-presidente tucano. Ele também confirmou ter recebido US$ 22 milhões em propina apenas da holandesa SBM Offshore, que trabalha com afretamento de navios-plataforma. O ex-gerente da Petrobras negou, durante depoimento, que parte do dinheiro desviado por ele era destinado a algum partido ou políticos. "Esta era a parte da casa", afirmou. Apontado como um dos supostos cúmplices do ex-diretor da estatal Renato Duque, preso na sexta-feira 14, ele conta também ter contratado empresas sem licitação, prática que foi permitida por meio de uma lei do governo FHC. Barusco teve participação em todos os grandes projetos da Petrobras na última década, entre eles a refinaria de Abreu e Lima, em Pernambuco. Em 2006, logo após a compra pela Petrobras de 50% da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, ele tentou favorecer a Odebrecht, contratando a empresa para a ampliação da refinaria sem processo de licitação. Ele alegou que a companhia era a única brasileira com experiência para o trabalho e obteve o apoio dos diretores. A obra no valor de US$ 2,5 bilhões, porém, foi rejeitada pelos sócios belgas. O volume de dinheiro a ser devolvido pelo engenheiro aos cofres públicos é o maior já obtido por um criminoso na história do País. O acordo de delação premiada foi firmado por ele antes de a Operação Lava Jato, da Polícia Federal, vir à tona. Ele decidiu colaborar com a polícia assim que foi avisado que seria denunciado, conseguindo, dessa forma, se livrar da cadeia.

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Finalmente: PF vai investigar Cemig (que o Globo protege)



A Polícia Federal abriu um inquérito para investigar a intermediação feita por Alberto Youssef entre pequenas hidrelétricas (PCHs) e estatais do setor de energia. Um dos negócios envolve a InvestMinas, do empresário Pedro Paulo Leoni Ramos, e a estatal mineira Cemig. A empresa depositou R$ 4,3 milhões, em 2012, na conta da MO Consultoria – uma das empresas de fachada do doleiro, para vender alguns ativos à Light, empresa do Rio de Janeiro controlada pela Cemig. A justificativa da InvestMinas para o pagamento a Youssef é a de que ele intermediou a venda, por R$ 26,5 milhões, da participação acionária da companhia na Guanhães Energia para a Light Energia, com intervenção da Cemig Geração e Transmissão S.A. O Ministério Público suspeita que os contratos e notas referentes à negociação sejam fraudulentos. Youssef, investigado e hoje colaborador da Lava Jato, costumava afirmar que pequenas hidrelétricas eram excelentes negócios. No despacho que resultou na prisão de empreiteiros e no ex-diretor da Petrobras Renato Duque, na última sexta-feira 14, o juiz federal Sério Moro, responsável pelas investigações da Lava Jato, cita o inquérito referente à Cemig. Diz ele: "trata-se de negócio que, embora suspeito, não estaria relacionado aos desvios na Petrobras". No entanto, não há motivos para acreditar que pagamentos feitos a Youssef que não sejam relacionados à Petrobras não sejam suspeitos. Em reportagem sobre o assunto publicada nesta sexta-feira, o jornal O Globo não cita a Cemig no título nem no subtítulo, embora o negócio esteja relacionado à joia da coroa do governo Aécio Neves. O caso pode fazer com que parlamentares trabalhem para ampliar a CPMI que investiga as denúncias da Petrobras no Congresso. Relembre aqui reportagem do 247 sobre o assunto publicada no último sábado 15 e da Rede Brasil Atual sobre a possibilidade de ampliar o escopo da CPI para outras empresas além da Petrobras.

Dilma escala seu time na área econômica


Confirmado. A presidente Dilma Rousseff deve anunciar em breve seu time econômico completo. Joaquim Levy, Nelson Barbosa e Alexandre Tombini ocuparão, respectivamente, os ministérios da Fazenda e do Planejamento e Tombini permanecerá na presidência do Banco Central. Levy foi secretário do Tesouro no governo Dilma e Barbosa secretário-executivo da Fazenda na gestão de Guido Mantega. Há ainda outros dois nomes confirmados: a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) será nomeada ministra da Agricultura e o senador Armando Monteiro (PTB-PE) ministério do Desenvolvimento e Indústria. A expectativa era de que o anúncio fosse feito nesta sexta-feira 21, após o fechamento do pregão, mas foi adiado, segundo a Secretaria de Comunicação da Presidência. A trinca de Levy, Barbosa e Tombini foi publicada ontem. A Bolsa de Valores de São Paulo reagiu com otimismo às altas chances de nomeação ainda hoje, fechando com ganhos de 5,02%, a maior alta em três anos e registrando a melhor semana de 2014. Os papéis da Petrobras dispararam quase 12%. A presidente Dilma chamou Barbosa a Brasília no final desta manhã. O 247 apurou que o anúncio oficial da nova equipe econômica será feito hoje, mas após o fechamento do mercado de ações. Leia reportagem do portal Infomoney que aponta previsão da Nomura pela queda do dólar com a escolha de Levy.
Para Nomura, dólar ficará mais barato com Joaquim Levy no Ministério da Fazenda
A Nomura abriu uma recomendação de venda de dólar nesta sexta-feira, 21, em meio às expectativas de que as indicações de Dilma Rousseff para sua equipe econômica agradem ao mercado e favoreçam um fortalecimento do real no curto prazo. "Nós acreditamos que Joaquim Levy muito provavelmente será indicado para o time econômico, provavelmente como ministro da Fazenda", diz o texto assinado por Tony Volpon, diretor de pesquisas para a América Latina. Volpon comenta que Levy é conhecido como um formulador de políticas ortodoxo e pró- mercado, que deve ajudar na difícil tarefa de ajustar a economia. Atualmente ele chefia a divisão de gestão de ativos do Bradesco. "Após a nomeação dele nós esperaríamos o anúncio de um plano fiscal crível nas próximas semanas. Tal anúncio seria essencial para restaurar a confiança do mercado", afirma o texto. O analista diz esperar um plano plurianual que leve a um resultado primário adequado para estabilizar a dívida pública. O relatório diz ainda que o surpreendente anúncio da China hoje, de cortar as taxas de juros, é positivo para as moedas emergentes no médio prazo. "Esse afrouxamento deve ajudar o desempenho econômico da China e favorecer economias altamente dependentes do dinamismo chinês, como o Brasil."
Abaixo, notícia a agência Reuters a respeito:
Tombini deve ficar no BC; Levy e Barbosa estão entre Fazenda ou Planejamento, diz fonte
Por Jerferson Ribeiro e Luciana Otoni - BRASÍLIA/SÃO PAULO (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff deve anunciar nesta sexta-feira sua nova equipe econômica composta por Nelson Barbosa, Joaquim Levy e Alexandre Tombini, disseram fontes do governo à Reuters. Segundo uma dessas fontes, no momento já está definido que Tombini seguirá como presidente do Banco Central. As fontes, que falaram sob a condição de anonimato, não disseram quem seria o ministro da Fazenda e quem seria o titular do Planejamento. "Será um dia longo", limitou-se a dizer uma das fontes. Dilma estava reunida nesta manhã com o ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante. Na agenda da presidente, estão previstos ainda "despachos internos" na parte da tarde. Uma fonte do mercado financeiro também disse à Reuters sobre a equipe sendo formada por Levy, Barbosa e Tombini. Os mercados financeiros reagiam positivamente aos nomes. O dólar e os juros futuros recuavam, enquanto a bolsa subia quase 2 por cento. Dilma tinha considerado inicialmente o presidente Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, para comandar a Fazenda, mas na fase atual da montagem dos principais titulares da equipe econômica já está fora de cogitação, segundo outra fonte do governo. A presidente passou então analisar um outro nome do grupo Bradesco para compor sua equipe econômica. Joaquim Levy esteve à frente do Tesouro Nacional na gestão do ex-ministro Antonio Palocci, quando o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula buscava conquistar a confiança dos agentes econômicos. Levy atualmente é o diretor-superintendente do Bradesco Asset Management, braço de gestão de recursos do Bradesco. Nelson Barbosa também já integrou o governo, como secretário-executivo do atual ministro da Fazenda, Guido Mantega, até 2013. E enquanto esteve no governo sempre teve proximidade com a presidente. Ele chegou a ser especulado como sucessor de Mantega ainda durante os primeiros anos do governo Dilma. Tombini preside o BC desde o início do governo e também já teve seu nome especulado para assumir a pasta da Fazenda. Um indício de que Tombini se manteria na equipe econômica foi sua participação inesperada na reunião de cúpula do G20 na Austrália no último fim de semana. Dias antes da viagem de Dilma para a reunião, Tombini não estava listado na comitiva presidencial e tinha inclusive participação confirmada numa reunião com investidores em Londres.


quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Assaltante é morto por caminhoneiro em João Pinheiro



O fato aconteceu na noite desta quarta-feira (19) por volta de 21h00 quando os assaltantes chegaram ao posto Tampinha armados com um revólver e um facão, a dupla fez um arrastão por todo o posto assaltando clientes, frentistas e caminhoneiros que estavam no pátio do posto. Neste momento os autores resolveram roubar novamente os motoristas dos caminhões que estavam no pátio. O que eles não esperavam é que um dos caminhoneiros que não foi identificado e revoltado com a ação dos marginais resolveu fazer justiça com as próprias mãos. Ele atirou no bandido que estava armado com o revólver. Cléber Alves Fonseca foi atingido de cima para baixo no peito por um disparo de arma de fogo. O caminhoneiro que atirou no bandido não foi localizado. 

Bandidos explodem dois Caixas do Banco do Brasil



A Agência do Banco do Brasil em Irai de  Minas voltou a ser alvo de assaltantes, que durante a madrugada dessa quarta-feira, dia 19 de novembro. Segundo s informações da Polícia Militar cinco suspeitos utilizaram uma barra de ferro para quebrar arrombar a porta de vidro da frente do estabelecimento e depois usaram explosivos para danificar três caixas eletrônicos. A explosão foi tão forte que danificou o teto e vidros do prédio. Após a explosão dos bandidos fugiram, mas deixaram para trás um veículo  com placas de Uberlândia, com queixa de furto no dia 26 de outubro. Segundo o gerente, nenhum valor em dinheiro foi levado, mas os danos materiais mais uma vez vão comprometer o funcionamento da agência por dias, prejudicando à população, como aconteceu na última explosão ocorrida no dia 30 de janeiro desse ano.
Já em Varjão de Minas, também nesta madrugada, bandidos invadiram um hotel no centro da cidade e, com o uso de explosivos, arrombaram um caixa eletrônico. Quase todo o dinheiro que havia nas gavetas foi levado, segundo a Polícia Militar. Houve muito medo entre funcionários, hospedes e à população local. Segundo testemunhas declararam a Polícia, cinco homens armados chegaram à cidade em um veículo, Astra ou Vectra, de cor prata. Antes de se dirigirem para o hotel, os criminosos foram até a sede da Polícia Militar e trancaram o portão para dificultar a saída da viatura. Em seguida, os criminosos se dirigiram para o hotel. Em seguida os bandidos explodiram o Caixa Eletrônico, provocando danos inclusive o prédio, sendo que parte do forro veio abaixo. Os bandidos fugiram levando o dinheiro (valor não divulgado) , pela BR 365 e direção a BR 040.

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Idosa morre após ser agredida pela filha com marteladas



Uma idosa de 85 anos morreu após ser agredida pela própria filha, de 59 anos, em Patos de Minas, no Alto Paranaíba. De acordo com a Polícia Militar (PM), a mulher usou um martelo para bater na vítima durante um desentendimento. Ela foi autuada por homicídio e está presa. A vítima era aposentada e morava no Bairro Alto Colina. De acordo com os militares, a agressão aconteceu no fim da manhã desta terça-feira (18). Segundo o delegado Luis Mauro Sampaio, a mulher confessou o crime e disse que jogou o martelo em um lixo. “A filha disse que a vítima tinha um gênio forte e que tudo que ela fazia a mãe dizia que estava ruim. O desentendimento aconteceu quando a mulher disse que iria sair e a mãe pediu para que ficasse, pois estava adoentada. Foi quando a suspeita jogou a vítima no chão e agrediu com o martelo”, explicou. A idosa foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada ao Hospital Regional Antônio Dias, mas morreu pouco mais de 12 horas após dar entrada no local. Segundo os militares, durante o socorro, a idosa relatou aos vizinhos que foi a própria filha que havia a agredido. Em depoimento à Polícia Civil, a suspeita do crime disse que se mudou para a casa da mãe há cerca de um mês, para cuidar da aposentada, e que as agressões começaram devido a um desentendimento. A garçonete Cristiana Silva disse que a vítima já havia pedido ajuda. “Ela falou para os vizinhos não saírem de perto dela, nem deixa-la sozinha, pois a filha havia agredido”, afirmou. A mulher foi ouvida pelo delegado e será levada para o Presídio Sebastião Satiro. A Polícia Civil deve apurar se ela tem algum problema mental.

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Voto na “manga” garante eleição de Belchior Beca



Passado os turbulentos momentos de articulações que começaram veladas e terminou com tornados, a noite de segunda feira tende cadenciar o ritmo, embora a calmaria vá demorar a chegar. Em um dia marcado nos bastidores pela disputa da presidência do Legislativo Vazantino que contou com apenas duas chapas, o vereador Belchior Alves de Araújo (PSDB) venceu o jogo e pela terceira vez ocupará o cargo de presidente da casa. Por seis votos a cinco “Beca” que representou o bloco governista venceu seu adversário Elí dos Reis Custódio (PMDB) que lidera a oposição, com a somatória do chamado “voto na manga” que ainda está envolto em mistério. Eleito pelo grupo de oposição, Wilsinho teria manifestado antecipadamente seu apoio a Belchior Beca que confia ter ainda recebido votos de Edgar Rosa, Tião Guimarães e Reginaldo Ferreira. Totalizando com o seu cinco votos. Elí Custódio confia ter recebido votos de Romildo Pereira, Leo do Mariano e Gilnei Cabeceira e por isso somou apenas quatro votos. Em xeque-mate estão os dois votos não declarados: Cezar Ezequiel e Magda Morato. Entende-se que ambos votaram em candidatos diferentes, pois assim totaliza os cinco votos para Elí e seis votos para Belchior Beca. Os vereadores da ala de oposição acreditam que Cezar acompanhou Eli Custódio e Magda Belchior Beca. Mas essas afirmações cabem tão somente aos próprios vereadores em questionamento para que possa ser oficializada. Ao terminar a sessão os dois ausentaram-se rapidamente do plenário sem falar com a imprensa. 

Modem Roteador Internet a venda

Modem Roteador Internet

Vende-se um kit Modem Roteador Internet

TP-Link Modelo TD-8816

ADSL2+ Modem Router - R$ 100, Aceito Proposta - Contato: 34 914085 (tim) ou 9961 4505 (vivo)





Reviravolta na eleição da Câmara: Cezar Ezequiel pode ser candidato

Muito diferente do marasmo registrado nas últimas semanas o clima político no dia da eleição da presidência da Câmara Municipal de Vazante entrou em erupção. Conforme matérias publicadas no impresso e blog do Jornal DeFato até o início de novembro pouco se sabia das articulações dos pretendentes aos cargos de presidente, vice e secretário da casa. Nenhuma chapa havia sido registrada até a manhã desta segunda-feira. Eram apenas articulações veladas. Porém nesta segunda-feira, 17, dia da votação, o clima ferveu após a publicação no blog do um artigo que citava uma possível manifestação de voto para Elí Custódio (PMDB) do Vereador Cezar Ezequiel (DEM). No início da tarde o próprio Cezar divulgou nota afirmando que “...minhas decisões políticas dependem única e exclusivamente de mim”. O fato revirou os bastidores e mais do que isso, acabou evidenciando o nome de Cezar e dando-lhe a oportunidade de pleitear sua própria candidatura pelo bloco governista. Se isto se concretizar até as 15h, quando termina o prazo de inscrever chapas concorrentes apenas Elí Custódio e Cezar Ezequiel concorreriam as eleições. Para se eleger Elí precisa da confirmação de todos os vereadores eleitos pelo grupo de oposição enquanto que Cezar precisaria de um voto do grupo oposicionista ou seja, seis de 11 votos. De quem ou de onde poderia vir o 6º voto para Cezar Ezequiel?

Bloco governista – 5 vereadores: Reginaldo Alves (PSB), Belchior Beca (PSDB), Cezar Ezequiel (DEM), Edgar Rosa (PSB) e Tião Guimarães (PSB)

Bloco de oposição – 6 vereadores: Gilnei Cabeceira (PRB), Wilsinho do Novo Horizonte (PSD), Leo Mariano (PSD), Eli Custodio (PMDB), Romildo do Som (PSD) e Magda Morato (PMDB)

Vereador Cezar Ezequiel manifesta sobre eleição na Câmara

Atendendo o Vereador Cezar Ezequiel, publicamos nota direcionada ao Blog do Jornal DeFato no início da tarde desta segunda-feira, 17. Leia o texto na íntegra:

“Em resposta à matéria publicada no Blog do Jornal De Fato” sobre a eleição para a nova presidência da Câmara Municipal, gostaria de deixar claro que minhas decisões políticas dependem única e exclusivamente de mim. Caracterizando estes fatos exemplifico a minha posição nas últimas eleições do dia 05 de outubro, onde os candidatos a deputado federal e estadual que tiveram meu apoio não estavam ligados às bases políticas da situação nem da oposição. Durante toda minha carreira política a empresa onde trabalho se mostrou imparcial às minhas decisões como vereador. Afirmo assim, que continuarei me posicionando de forma independente inclusive nas eleições referentes à Presidência da Câmara Municipal. Obrigado!”
 
Vereador Cezar Ezequiel

Economia cresce 0,59% no 3º trimestre


A economia brasileira acelerou o ritmo de crescimento em setembro para fechar o terceiro trimestre no azul, mostrou o Banco Central nesta segunda-feira, numa indicação de que o país deve ter saído da recessão técnica. O Índice de Atividade Econômica do BC (IBC-Br), considerado espécie de sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB), avançou 0,59 por cento entre julho e setembro sobre o segundo trimestre, quando houve queda de 0,79 por cento sobre janeiro-março. Só em setembro, o indicador subiu 0,40 por cento sobre agosto, quando havia subido 0,20 por cento sobre o mês anterior. O resultado de setembro veio acima do esperado pelo economistas consultados pela Reuters, cuja mediana apontava para alta de 0,14 por cento. No primeiro semestre deste ano, a economia brasileira entrou em recessão, levando os agentes econômicos a piorarem suas projeções. Pesquisa Focus do BC mostrou que, pela mediana das contas, o PIB crescerá 0,21 por cento neste ano, muito aquém da expansão de 2,5 por cento de 2013. O cenário de fraco crescimento vem junto com o de inflação elevada, que levou o BC a iniciar um novo ciclo de aperto monetário no final do mês passado. O IBC-Br também mostra estagnação no acumulado do ano até setembro, com ligeira alta de 0,01 por cento, sendo que em 12 meses, tem alta de 0,60 por cento. Apesar dos melhores números trazidos pelo indicador, a economia brasileira não consegue mostrar sinais mais consistentes de aceleração. Em setembro, a produção industrial interrompeu dois meses seguidos de alta, ao mesmo tempo em que o varejo desacelerava a expansão. O IBC-Br incorpora estimativas para a produção nos três setores básicos da economia: serviços, indústria e agropecuária, assim como os impostos sobre os produtos.


"Advogado de Youssef operava para o PSDB"



A entrevista de Rodrigo Janot, procurador-geral da República, ao jornalista Severino Mota, tem um trecho importantíssimo. Segundo ele, houve uma tentativa indevida de interferência na sucessão presidencial deste ano, por parte do advogado Antonio Figueiredo Basto, que defende o doleiro Alberto Youssef e foi indicado pelo governador tucano Beto Richa para o conselho da Sanepar, a empresa paranaense de saneamento. "Estava visível que queriam interferir no processo eleitoral", disse Janot. "O advogado do Alberto Youssef operava para o PSDB do Paraná, foi indicado pelo Beto Richa para a coisa de saneamento, tinha vinculação com partido." O resultado dessa vinculação foi a profusão de vazamentos seletivos, que visavam atingir a campanha presidencial de Dilma Rousseff. "O advogado começou a vazar coisa seletivamente. Eu alertei que isso deveria parar, porque a cláusula contratual diz que nem o Youssef nem o advogado podem falar", disse Janot. "Se isso seguisse, eu não teria compromisso de homologar a delação."

Votorantim pode interferir na eleição da Câmara nesta segunda


Poucas horas para a eleição da nova presidência da Câmara Municipal de Vazante, nenhuma chapa foi registrada. Não por falta de interesse de candidatos, mas ao contrário, pela falta de consenso entre as duas alas que pleiteiam a direção da casa. Pela oposição espera-se que o vereador Elí Custódio (PMDB) seja o concorrente ao cargo, enquanto o grupo governista deve registrar o nome de seu líder Belchior Beca (PSDB). As controvérsias iniciaram nas últimas semanas por causa do não posicionamento político do atual presidente Gilnei Cabeceira (PRB), mas este não é o único que foge à regra. Nos bastidores da casa comenta-se que o vereador Cezar Ezequiel (DEM) pode deixar sua base governista votando em Elí Custódio, caso este confirme sua candidatura. O motivo seria algo anormal e extrapolaria o “campo político”. Rumores dão conta de que sendo funcionário da Votorantim Metais, Cezar teria recebido pedido da direção da empresa em Vazante para apoiar o seu companheiro de trabalho, Elí. Outra candidatura que pode ser oficializada antes da eleição marcada para esta segunda às 18h, seria a do vereador Sebastião Guimarães (PSB),  que foi derrotado por Gilnei Cabeceira na última eleição  para o cargo de presidente. Temendo perder a presidência da Câmara e antecipando apoio ao seu candidato, o prefeito Dr. José Benedito (PHS) já teria procurado os vereadores da ala governista para pedir apoio para Belchior Beca, mas isto não garantiria sua eleição, caso confirme a mudança de intenção do Vereador Cezar Ezequiel.

sábado, 15 de novembro de 2014

Policia cumpre mandados e prende suspeito de tráfico em Vazante



Em uma operação que começou por volta das 6h da manhã da sexta-feira (14) a Polícia Civil de Vazante efetuou a prisão de Jhonatan de Lima Rosa, 22 anos, suspeito de tráfico e apreendeu drogas, armas, munições e dinheiro. Além dele foi conduzido até a delegacia outro rapaz, 21 anos, que foi ouvido e liberado. Segundo o delegado André Luiz, o suspeito já era investigado e há suspeitas de que esteja envolvido em outros crimes como roubo a mão armada. Nas residências onde a policia realizou a operação foi encontrado 0,66g crack, 0,5g cocaína, 0,4g maconha, um revolver calibre 32, 14 munições, celulares, uma balança de precisão e R$ 1.876,00 em dinheiro.

Cemig abre inscrições para o Programa de Estágio 2015

Na próxima segunda-feira (17), serão abertas as inscrições para o Programa de Estágio 2015 da Cemig. Ao todo serão oferecidas 248 vagas, sendo 137 para nível superior e 111 para nível médio técnico. As inscrições vão até o dia 30 de novembro e devem ser feitas no site do Instituto Euvaldo Lodi (IEL), da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg). O estágio está previsto para começar em fevereiro, com duração de dez meses e carga horária de quatro horas por dia. Os candidatos selecionados receberão bolsa de complementação escolar, nos valores de 1,4 salário mínimo para estudantes de nível superior e 1,1 salário mínimo para os de nível técnico, com direito a vale-transporte.

Provas online O candidato deverá responder, imediatamente após realizar a inscrição pela internet, a uma prova online de conhecimentos gerais e atualidades. Após a etapa de inscrição, os candidatos que alcançarem as melhores classificações conforme os critérios, estabelecidos no regulamento do Programa de Estágio Cemig 2015, serão convocados a enviar, por meio eletrônico, os documentos comprobatórios. Depois da verificação dos documentos comprobatórios, a Cemig entrará em contato com os finalistas para agendamento da entrevista técnica com o gestor da Cemig.
Especificações Para se inscrever, o candidato deve estar matriculado e frequente no penúltimo ou no último ano do curso, para estágio de nível superior. Para estágio de nível médio técnico, o candidato deverá estar no último ano do curso ou, então, ter concluído o curso e necessitar do estágio para obtenção do certificado de conclusão. Para os cursos de tecnologia, os estudantes deverão estar cursando o último ano.
Somente serão aceitas inscrições de estudantes dos cursos reconhecidos pelo MEC, conforme consta no site da instituição. Inscrições de estudantes que já tenham cumprido estágio do mesmo curso na Cemig não serão aceitas.
Confira a lista de cursos: 
Nível Superior Administração, Agronomia, Biologia, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Ciências Econômicas, Comunicação Social/Jornalismo, Direito, Economia, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia da Computação, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia de Energia, Engenharia de Produção, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Engenharia Florestal, Engenharia Mecânica, Engenharia Química, Engenharia de Telecomunicações, Estatística, Geografia, Psicologia, Redes de Computadores, Relações Internacionais, Serviço Social, Sistemas de Informação e Sociologia.
Nível técnico Administração, Agrícola, Agrimensura, Automação Industrial, Contabilidade, Edificações, Elétrica, Eletroeletrônica, Eletromecânica, Eletrotécnica, Eletrônica, Estradas, Gerencial, Gestão da Qualidade, Informática, Mecânica, Química e Segurança do Trabalho.


Corpo de Bombeiros abre inscrições para Curso de Formação de Oficiais

 Corpo de Bombeiros abre inscrições para Curso de Formação de Oficiais

 

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), juntamente com o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional – (IDECAN), torna pública a abertura das inscrições e estabelece normas para a realização de concurso público destinado a selecionar candidatos para o Curso de Formação de Oficiais – CFO BM, a iniciar-se no ano de 2016. O concurso é destinado ao preenchimento de 30 (trinta) vagas, sendo 27 (vinte e sete) para o sexo masculino e 3 (três) para o sexo feminino, para o Curso de Formação de Oficiais Bombeiros Militar - CFO BM 2016, nos termos deste edital. As fases do concurso serão gerenciadas pela Adjuntoria de Concursos da Diretoria de Recursos Humanos do CBMMG, sendo executada a 1ª fase pelo IDECAN. O curso tem como objetivo proporcionar a formação dos oficiais para a Instituição e visa suprir as vagas existentes, de acordo com o contingente legal, com candidatos de ambos os sexos, na proporção das vagas para cada sexo, estabelecida nos instrumentos legais. O curso funcionará na Academia de Bombeiros Militar (ABM), tendo a duração mínima de 3 (três) anos, em regime escolar diuturno, com o militar estando sujeito a atividades escolares extra-classe após as 18h, inclusive aos sábados, domingos e feriados. O ingresso do candidato aprovado e convocado será realizado na graduação Cadete do primeiro ano do CFO, pertencente ao quadro de praça especial, com vencimento inicial de R$ 5.769,42 (cinco mil setecentos e sessenta e nove reais e quarenta e dois centavos), estimado a partir de 1º de abril de 2015. Após o curso, o valor dos vencimentos do 2º tenente, pertencente ao quadro de oficiais subalterno a partir de 1º de abril de 2015 será de R$ 8.874,59 (oito mil oitocentos e setenta e quatro reais e cinquenta e nove centavos) – conforme Lei Estadual 19.576 de 16 de agosto de 2011. O cadete fará jus, durante o período de curso, à remuneração, abono fardamento, assistência médico-hospitalar, psicológica e odontológica, estando sujeito, além das normas aplicáveis aos militares estaduais, às Normas Gerais de Ação n. 01/2011 – Cotidiano acadêmico da ABM, suas modificações e alterações futuras. O edital poderá ser baixado por download nos endereços eletrônicos do IDECAN (www.idecan.org.br) e do CBMMG (www.bombeiros.mg.gov.br). Antes de efetuar sua inscrição, o candidato deverá conhecer o edital e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para ingresso no CFO BM, previstos no item 3 deste edital. Preenchendo todos os requisitos, as inscrições serão feitas via Internet, através do endereço eletrônico www.idecan.org.br, a partir das 9 horas (horário de Brasília) do dia 12 de janeiro de 2015 a 19 de fevereiro de 2015 até as 23h59min (horário de Brasília) do dia.

Chega ao Mamoré o meia-atacante Diego Sales


O Esporte Clube Mamoré apresentou nessa quinta-feira (13) mais um atleta que disputará a elite do futebol mineiro pelo clube. O meia-atacante Diego Sales (27) que começou a carreira no Cabofriense (RJ), depois passou pela Nova Iguaçu, Mesquita, Americano, Anápolis, Ponte Preta, Marília e River do Piauí. De acordo com o Presidente do Mamoré, Beto Ribeiro, desde 2012, quando ele atuou contra o Nacional no estádio Bernardo Rubinger, eles já vinham negociando a contratação. Diego Sales vestiu a camisa do Mamoré e recebeu também uma camisa da Torcida Independente. Leonardo Rodrigues, presidente da organizada, aproveitou para ressaltar o apoio que o jogador terá nas arquibancadas. Todos contam com o empenho dos atletas para que seja um ano de muito sucesso para o sapo.


quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Pimentel começa a definir parte do secretariado neste fim de semana


O governador eleito Fernando Pimentel (PT) retorna a Minas no fim de semana, quando deverá se reunir com aliados para discutir a formação de sua equipe de governo. O petista está em viagem no exterior descansando. A expectativa é de que parte do futuro secretariado seja anunciada no início da próxima semana. Entre as mudanças estão o desmembramento da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) em duas pastas: secretarias de Planejamento e de Administração e Recursos Humanos. Para o cargo Planejamento, o nome mais indicado é do atual ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Mauro Borges, que pôs o cargo à disposição, nesta quarta-feira (12) e, provavelmente, não continuará no governo federal. Para a Secretaria de Administração e Recursos Humanos, é cotado o deputado estadual Sávio Souza Cruz (PMDB), que já exerceu o mesmo posto no governo Itamar Franco (1999/2002). Pimentel e sua equipe também pretendem criar a Secretaria de Estado de Direitos Humanos, que será ocupada pelo deputado federal Nilmário Miranda, que foi ministro na mesma área no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O nome do deputado estadual André Quintão (PT) é cotado para assumir a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedese). Três deputados federais do PT podem integrar o futuro secretariado: Odair Cunha, para a Secretaria de Governo; Miguel Corrêa Junior, para a Secretaria de Assuntos Metropolitanos; e Reginaldo Lopes, para a pasta da Educação. Paulo Guedes (PT), deputado estadual mais votado na eleição deste ano, deve assumir a Secretaria do Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e do Norte de Minas (Sedinor). Isso porque essas são áreas onde ele tem base eleitoral. 

800 pés de maconha em Paracatu

Um homem foi detido e uma plantação de maconha foi encontrada e incinerada nesta quarta-feira (12), em uma fazenda a 70 km da cidade de Paracatu, no  Noroeste do estado. De acordo com a Polícia Civil, militares encontraram o suspeito, cuja idade não foi informada, em uma propriedade que ele tinha invadido para cultivar a droga. Segundo o delegado Edson Rogério, foram destruídos de 700 a 800 pés de maconha. Duas armas de fogo e munições foram apreendidas na fazenda. De acordo com o delgado, a droga era distribuída em Catalão (GO). A polícia investiga, agora, a ação de possíveis intermediários na distribuição da maconha. 

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Trânsito: Cones diminuem vagas de estacionamentoI

Adicionar legenda
Desde a instalação dos semáforos da Av. Paracatu em 2012, os condutores de veículos convivem com a dificuldade em encontrar espaços de estacionamento na referida via e em outras do centro da cidade de Vazante. Muitos fogem dos faróis e do movimento para ganhar tempo e disputam espaços nas vias adjacentes, mas nestas também as vagas têm diminuído. Outra dificuldade encontrada pelos motoristas é quanto uma nova prática adotada por alguns comércios: o uso de cones de sinalização para reservar as portas de seus estabelecimentos. Mas, isto não é correto, pois infringe a lei, mesmo que o local receba número considerável de carga ou descarga de mercadorias. O novo hábito que acontece com maior freqüência nas lojas de eletrodomésticos, material de construção e produtos agropecuários tem irritado alguns motoristas. Funcionários e trabalhadores do centro da cidade e que buscam vagas de estacionamento pelos menos duas vezes ao dia são outra classe reclamante da situação. O que os comerciantes ainda não notaram é que esta prática pode também estar dificultando o acesso às suas lojas do mais precioso visitante: o cliente.

Vazante: Uma cidade sem bueiros

Fotos de Valdir Borges e Tiago Batuki: Chuva em Vazante na manhã de quarta-feira 12/11/14
Muito incomoda aos moradores de Vazante o período de estiagem vivido desde o fechamento da temporada de chuvas no início do ano. Muito alegram os vazantinos com os primeiros chuviscos de outubro, mas também os preocupam pelas surpresas que as fortes chuvas que começaram a cair, podem trazer. Dos principais problemas iminentes destacam-se as incidências de Dolinas no Bairro Vazante Sul e os riscos de desabamento de residências edificadas à beira do grotão. Mas a atenção deve ser redobrada para outro conjunto de problemas que disfarçadamente incomoda principalmente os moradores das regiões mais baixas. O acúmulo de lixo, entulhos e material de construção que a água das chuvas arrasta. Os moradores mais afetados são os instalados no final das avenidas e ruas que desembocam para as margens do Córrego da Pamplona. 
Se a cidade fosse planejada certamente teria este problema resolvido, mas como nenhum de seus governantes atentou em amenizar o problema ele se torna cada dia maior. Sarjetas ou “bocas-de-lobo” que captariam água das chuvas praticamente não existem nem na cidade velha, nem no centro e pior, nem nos novos bairros que crescem vertiginosamente em Vazante. Até que um administrador queira e tenha recursos para construir bueiros e a rede fluvial da cidade resolvendo assim o problema, os “ribeirinhos” continuarão sofrendo com horríveis problemas em suas casas. Há quem nem goste de lembrar que quando chove os entulhos entopem a rede e faz o esgoto retornar para dentro de suas casas. Imagine a cena, Imagine a mau cheiro...

Violência: Casal é executado na frente dos filhos



Um duplo homicídio registrado na noite desta terça-feira chocou os moradores de Pará de Minas, Região Central de Minas Gerais. O casal Weslei Moreira Dias, 23 anos, e Debora Dos Santos Consta Alves, 23, foi morto dentro da própria casa, onde estavam os filhos, um menino de quatro anos e uma menina de cinco. De acordo com a Polícia Militar, um vizinho acionou uma viatura depois de ouvir disparos de arma de fogo vindos do local. Ele contou que foi até a casa e viu uma pessoa caída na área de serviço. Quando a PM chegou, encontrou o homem no chão da sala e a mulher sobre a cama. Conforme a PM, alguém chamou do lado de fora da residência e Weslei foi até a porta para atender. Depois disso, foram feitos disparos e o autor invadiu a casa para matar a jovem. Segundo testemunhas, o criminoso era um homem de roupa preta com capuz e óculos. Os militares encontraram no guarda-roupas do casal, um revolver calibre 38 carregado com cinco munições intactas e uma touca ninja cor preta. As crianças que estavam na casa ficaram na responsabilidade de parentes das vítimas. De acordo com o boletim de ocorrência, Weslei tinha passagens por homicídio e receptação. Até o momento ninguém foi preso. Na noite de terça-feira, 11 novembro de 2014, policiais militares compareceram na Rua Geraldo Joaquim Costa, fundos, bairro Belvedere, onde segundo proprietária do imóvel, recebeu informações de que houve disparos de arma de fogo no barracão dos fundos, que era alugado para um casal.

Petróleo: Petrobras bate novo recorde de produção



A Petrobras informou que a produção de petróleo da estatal no Brasil atingiu em outubro a média de 2,126 milhões barris/dia (bpd), 0,4% maior que em setembro (2,118 milhões bpd). Outubro foi o nono mês consecutivo de crescimento da produção de petróleo da companhia no país. A produção total de petróleo operada pela Petrobras, que inclui a parcela operada para parceiros, atingiu em outubro o quarto recorde consecutivo, de 2,268 milhões bpd – volume 1,3% superior aos 2,239 milhões bpd alcançados em setembro. Já a produção total de petróleo e gás da Petrobras no Brasil foi 2,579 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), indicando aumento de 0,6% em relação à produção obtida no mês de setembro (2,565 milhões) e um novo recorde histórico. A produção total de óleo e gás natural operada pela Petrobras no Brasil, que inclui a parcela operada para seus parceiros foi 2,783 milhões boed em outubro, 1,5% acima do volume obtido em setembro (2,743 milhões boed), e uma vez mais representa a maior produção total operada já atingida pela companhia. A produção consolidada de petróleo e gás da Petrobras, no Brasil e no exterior, alcançou 2,795 milhões boed em outubro. O volume foi 0,5% superior ao registrado em setembro (2,781milhões boed).

Devolve o Apê, Barbosa!



Mais de três meses depois de sua aposentadoria, o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa, natural de Paracatu/MG, ainda não devolveu o apartamento funcional colocado à sua disposição, em Brasília, quando exercia o cargo de ministro na corte. O prazo para a devolução do imóvel, conforme aponta reportagem da Folha de S. Paulo nesta terça-feira 11, é de 30 dias após a aposentadoria, segundo decreto presidencial de 1993. A aposentadoria de Barbosa foi oficializada no dia 31 de julho. Ainda conforme apuração do jornal, o decreto não trata especificamente de apartamentos funcionais de ministros do Supremo, mas de ministros do estado e servidores públicos. Mas resolução do STF de 2004 assegura o apoio aos ministros aposentados da corte por 90 dias. O prazo, no entanto, também foi estourado por Barbosa, que se aposentou há 103 dias e deveria ter devolvido o apartamento no dia 29 de outubro.

terça-feira, 11 de novembro de 2014

Gilnei Cabeceira: Situação ou oposição?

Findando os primeiros dois anos da atual legislatura e sem chances de uma reeleição para presidente da Câmara Municipal de Vazante, o vereador Gilnei Gonçalves Pereira – “Cabeceira” (PRB) parece ter novamente mudado de posição política. Eleito no pleito de outubro de 2012 pelo grupo que apoiava o candidato derrotado, Dr. Jacques Soares (PSD), o vereador teria mantido contatos freqüentes com o prefeito eleito Dr. José Benedito (PHS) antecipando aliar-se ao mesmo, mas manteve sigilo desta manobra até as eleição, pois precisava da força dos vereadores de sua base para se tornar presidente. Bastou ser eleito para que abandonasse seu grupo aliando ao prefeito Dr. José, motivo de decepção para a bancada de oposição.
Concluindo seus dois anos à frente da casa, ele não se mostrou bom administrador político, pois neste tempo fez crescer entre os companheiros e adversários mais rejeição do que simpatia. Não inovou e contrário a isto, restringiu em muito as relações do Legislativo com a comunidade que representa. Ao lugar de crédito para a Câmara e seus vereadores deixou inclusive que a mesma caísse no esquecimento, pois não promoveu qualquer tipo de campanhas institucionais na imprensa ou por outros meios que viessem transparecer as atividades do legislativo em Vazante. Vale ressaltar que quase ninguém assiste às sessões da casa e quando um fato aflora e vira notícia repercute mais seus pontos negativos principalmente nas redes sociais.
Neste cenário, nada favorável, o atual Presidente da Câmara se mostra mais uma vez migrando de um lado para outro, ou seja, voltando para a sua “bancada mãe” e se afastando de governo municipal. A quem diga que isto poderá ser mais um “tiro no pé” do jovem político que almeja inclusive chegar a prefeito nas próximas eleições. Talvez entenda ele que já é hora de se afastar de Dr. José Benedito que vive seu terceiro governo de crises, principalmente financeira. Se Gilnei realmente deixar Dr. José e vir a votar na chapa de oposição, provavelmente encabeçada por Elí Custódio (PMDB), será apenas um voto natural, pois foi eleito por este grupo. Mas é bom lembrar que a ala governista na Câmara deverá concorrer com chapa encabeçada por Belchior Beca (PSDB) que por enorme experiência saberá trilhar os caminhos para se eleger pela terceira vez e bastará ganhar um voto vindo da oposição. Há quem diga que este pode ser do Gilnei Cabeceira que parece ter o forte hábito de mudar de lado político quando bem lhe convier. Afinal ele é situação ou oposição? Eis a questão.

Nota: A eleição será na segunda-feira, 17, às 18h. 

Minas deve ter aumento da produção de grãos


A estimativa da intenção de plantio para a safra 2014/2015, divulgada nesta terça-feira (11) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), mostra que a produção mineira de grãos deve ficar entre 11,7 milhões e 12 milhões de toneladas. Os números representam um crescimento que varia de 0,6% a 3,4% em relação à safra anterior no Estado, que foi de 11,6 milhões de toneladas de grãos. O estudo da Conab indica a intenção de plantio das culturas de primeira safra (algodão, arroz, feijão, mamona, milho e soja) e atualização das informações das culturas de inverno (trigo), que tiveram a colheita encerrada dos últimos meses. As informações da previsão são provenientes da colaboração de técnicos da Emater-MG, técnicos de cooperativas, agentes financeiros, de mercado e de insumos, que subsidiam a Companhia nos levantamentos. "Com o atraso do período das chuvas, somente agora os agricultores estão iniciando o plantio nas principais regiões produtoras do Estado, como Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba, Sul de Minas e Noroeste", informa o coordenador técnico estadual de culturas da Emater-MG, Wilson Rosa. O destaque da safra mineira deve ser a cultura da soja. A produção do grão deve ficar entre 3,7 milhões e 3,8 milhões de toneladas. O crescimento em relação à safra anterior, se as previsões se confirmarem, ficará entre 12,4% e 15,7%. "A soja manteve um patamar de preço mais elevado este ano, por isso está sendo mais atrativa para o agricultor", explica Wilson Rosa. O plantio da soja será feito até dezembro e colheita começa em fevereiro de 2015. Assim como em outras regiões do país, os agricultores estão trocando o plantio do milho de primeira safra pela soja, por ser uma cultura mais precoce. Após a colheita da oleaginosa, eles deverão investir no plantio do milho de segunda safra, que é colhido só a partir de junho. Segundo o coordenador da Emater, as exportações brasileiras de milho ficaram abaixo do esperado este ano. Além disso, o abastecimento interno foi regular. "Mesmo com a estiagem no início do 2014, a produção foi suficiente para atender o mercado e o preço do milho ficou num patamar abaixo do esperado por muitos produtores", comenta. Por este motivo, a produção de milho de primeira safra, que é plantado agora, com início de colheita em janeiro, deve cair em Minas Gerais. A previsão é de uma queda entre 2,5% e 6% em relação à safra 2013/2014, que foi de 5,7 milhões de toneladas. O milho e a soja são os principais grãos cultivados em Minas Gerais.
Números da previsão de safra em MG
Safra total de grãos: entre 11,7 milhões e 12 milhões de toneladas
Milho 1ª safra: entre 5,4 milhões e 5,6 milhões de toneladas
Soja: entre 3,7 milhões e 3,8 milhões de toneladas

Feijão 1ª safra: entre 152 mil e 161 mil toneladas

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Rio Santa Catarina pede socorro

Abaixo da Ponte do Arrependido apenas dois filetes de água rompem a grande praia no leito do rio

A incidência de 11 Dolinas no leito do “Santa Catarina” somadas ao intenso período de estiagem transformou em situação emergencial o volume de águas no leito do principal rio do município de Vazante. Prova desta situação foi constatada na tarde de sexta-feira (7) quando uma equipe do Jornal DeFato atendeu chamado de um morador da região que sempre passa pelo local. Segundo o mesmo que não quis ter seu nome divulgado, esta é a pior situação desde que conhece o rio “catirina” há décadas.  Um dos pontos mais críticos fica próximo à barragem de decantação da Votoratim, abaixo da ponte que liga Vazante à região do Arrependido, município de Lagamar onde o rio praticamente não corre. Apenas dois filetes de menos de um metro de largura ainda sobrevivem e no entendimento dos que passam pelo local prejudica diretamente o processo da Piracema, impedindo a subida dos peixes que nesta época buscam as águas mais clamas e de maior voluma para a desova. Os registros fotográficos mostram que a caixa do rio guarda no momento apenas areia e uma ramagem nova que brotou com a incidência das primeiras chuvas no local. Grandes poços de água parada já começam inclusive a colocar em risco de morte as espécies de peixes ainda ali existentes. (Valmir Borges)